Conheça a 7 Geração de processadores intel

7 Geração de processadores intel (2017), famíla core i (i3, i5 e i7), mais velozes e econômicos que os seus antecessores, totalmente compatíveis com a tecnologia 4k, incluindo recursos de alta performance para multitarefas, filmes, Jogos, edições gráficas, 3d e de vídeo e também para inicar o windows e alternar entre programas e páginas da web mais rapidamente.

Nesta nova linha de processadores Intel são 40 modelos disponíveis divididos em grupos que facilitam na escolha do melhor processador custo benefício para cada aplicação. A cada modelo de processador lhe é atribuído um número de série e uma letra no final, que identificam as suas especificações técnicas e o grupo de série no qual ele pertence, que são: série U, H, K, S T e X.

Atenção! Antes de comprar um processador para instalar em seu computador verifique se a sua placa mãe suporta o modelo desejado. Para isso você deve verificar qual é o tipo de soquete do processador que você pretende adquirir e ver se é o mesmo da sua placa mãe. Soquete é o lugar na placa mãe onde o processador será encaixado, contém o tamanho e a quantidade e disposição de pinos específicos para cada grupo de processadores. Ou você terá que trocar de placa mãe também.

Extreme Edition Série X: O primeiro Processador Intel de 10 núcleos para Desktops

Este é o top dos tops dos processadores Intel para computador desktop. A própria Intel afirma que é o que ele tem de melhor para computadores desktops. São 10 núcleos e 20 threads para proporcionar o maior poder de processamento possível, contando ainda com a ajuda de 25 Megabytes de cache inteligente.

A série i7 69xx/68xx suportam até 40 vias de PCI 3.0, 4 Placas de Vídeo, 4 canais de memória DDR4, são totalmente desbloqueados para Overclocks, incluindo a nova tecnologia Intel Turbo Boost Max 3.0, que aumenta o desempenho em até 15%.

Série U: da 7ª Geração de processadores intel (Portáteis)

A série U faz referência a “ultra low-voltage”, ou seja ultra economia de energia. São a linha da 7ª geração de processadores com maior economia de energia e a baixa temperatura. Construídos especialmente para os portáteis como notebooks, ultrabooks e mini-pcs onde o calor e a economia de energia precisam ser rigorosamente controlados.

Atualmente o números de processadores de 7ª geração da Intel da série U são: 1 modelo i3, 6 modelos i5 e 5 modelos i7.

Série H: da 7ª Geração de processadores Intel (Portáteis)

A série H são a linha de processadores Intel quad-core de alta performance para aparelhos compactos que precisam de maior potência para as suas aplicações. Como Notebooks games e workstations, por exemplo. Sendo 1 modelo i3 (i3-7100H), 2 Modelos i5 e 4 modelos i7.

Série K, S e T: da 7ª Geração de processadores Intel (Desktops)

Estas são as 3 séries da 7ª geração de processadores Intel para Desktops.

Os processadores da série T são voltados para o custo benefício, ou seja, possui uma ótima relação preço/desempenho. Já os da série S são todos aqueles que não possuem uma letra no final do seu número de série, sendo o melhor custo benefício para quem não faz overclock, procedimento que aumentam a performance do processador.

Quem quer adquirir um processador top de linha para seu computador de mesa resta então os da Série K, que são os processadores top de linha para desktops. Neles estão disponíveis um maior número tecnologias e recursos que oferecem uma maior potência para os processadores e maior agilidade nas aplicações. Nesta linha também está o processador dual-core i3 7350k, que promete dar suporte à overclocks para consumidores de menor orçamento.

Ficha técnica

No site oficial da Intel, além de ver a ficha técnica de cada processador, você você ainda pode fazer comparações entre os modelos de processadores para ver quais as diferentes de tecnologias e recursos entre cada um deles.

Bem, este foi apenas um breve resumo sobre quais são a última geração de processadores Intel em 2017. Se você ficou com alguma dúvida, encontrou algum erro ou quer acrescentar algo mais, deixe seu comentário logo abaixo.

Como Melhorar o Desempenho do PC Para Jogos 2015

Como Melhorar o Desempenho do PC Para Jogos 2015Como melhorar o Desempenho do pc para jogos 2015 de forma fácil e econômica. Um jogo pesado de pc 2015 requer no mínimo algo em torno de 6 GB de memória, processador i3, Placa de vídeo 2GB como por exemplo a GTX650 Ti 2GB” e uma boa fonte de alimentação.

Como melhorar o Desempenho do pc

Se você tem um computador que não está conseguindo rodar os jogos mais atuais em 2015, o computador fica muito lento e travando, saiba que não é preciso gastar uma fortuna para garantir a sua diversão. Como você pode ver acima, com i3, 6Gb de ram, e uma placa de video em torno de 600 reais já dá para rodar de boa os jogos mais atuais. Claro que não serão todos os jogos que rodarão na qualidade máxima. Mas, pelo menos é possível desfrutar de todos os Games!

Mas… se você pretende jogar em alta qualidade, então não tem jeito, é preciso gastar uma boa grana.

GTX 650 ti rodando Battlefield Hardline

Comece pelo mais importante. A placa de vídeo!

Muitos jogadores querem logo de cara trocar o processador, comprar mais memória e adquirir a placa de vídeo. Eu recomendo sempre comprar primeiro a placa de vídeo (compatível com a sua placa-mãe), e ver como o desempenho do computador melhorou. Para isso, é de suma importância saber como escolher uma placa de video! Daí então vá comprando os outros itens conforme necessário: Mais memória ram, trocar o processador, etc…

Atenção! Trocar a fonte de alimentação do computador por uma recomendada à placa de vídeo é fundamental.

Compre só o que falta.

Bem, esse negócio que de que é preciso de uma excelente placa-mãe para ter um pc gamer de qualidade, não é tão assim como falam em tudo que é site. Sim, a placa-mãe é um item muito importante, mas tenho um pc com placa-mãe bem básica, um i3 e uma gtx 970 e… cara, roda tudo que é jogo e a grande maioria no talo, 1080 pixels.

O que a placa-mãe precisa ter

O importante é que a placa-mãe deve ser compatível com as tecnologias mais recentes: DDR3, Pci-Express 2.0 ou superior e suportar os processadores de gerações mais recentes. I3, i5, i7 ou equivalentes AMD.

Resumo

Para finalizar e resumir o meu raciocínio, o que pretendo com este artigo é mostrar aos jogadores, que se o dinheiro está apertado, vá melhorando o pc aos poucos. Compra uma boa placa de video, depois mais memória, e se precisar, troca o processador. É assim que eu faço meus upgrades é o que aconselho. Você tem que ter em mente que o mais importante em computador para jogos é a placa de vídeo, não se esqueça.

É, mas… Um processador de baixo desempenho pode limitar o desempenho da placa de vídeo, então se for trocar o processador veja qual é o mais indicado para a placa de vídeo adquirida.

Processadores AMD ou Processadores Intel?

Esta certamente foi uma das brigas mais esperadas de todos os tempos e ela já está acontecendo, prometendo assim ataques dos dois lados e ainda diversos usuários brigando com argumentos de qual é a melhor marca de processadores, de um lado os famosos processadores Intel, de outro o crescimento dos processadores AMD.

As séries de processadores Intel e processadores AMD

Toda a série Pentium não ocupa mais o posto de processadores top de linha, e a Intel oferece hoje o que há de melhor no mercado, as CPUs Core i7. A empresa hoje conta com o apoio de fãs de todo o mundo e ainda um grande número de montadoras conhecem toda a influência da marca neste tipo de mercado.

Já a AMD acaba cada vez mais se ressaltando no mercado, as CPUs fabricadas pela empresa contam com várias ramificações, sendo assim, abrangem o mesmo mercado que suas concorrentes. Contudo os processadores AMD top de linha é o chamado Phenom II X6 o sucesso é tanto que a empresa sempre está em segundo lugar nas vendas. Agora que sabemos um pouquinho sobre cada uma iremos falar um pouco mais sobre suas peculiaridades.

amd x intel
imagem: http://www.focoemtecnologia.com.br

 

O desempenho dos processadores

Este é um fator importante, apesar disto ele depende de uma série de configurações internas e tecnologias diferenciadas empregadas em cada um dos processadores. Os resultados variam bastante, e muitas pesquisas citam que em algumas atividades os processadores da Intel são mais rápidos e em outras dizem que os processadores AMD contam com um maior desempenho.

A Intel por sua vez recentemente lançou o Core i7 980-X, a fabricante investiu em qualidade tecnológica e exagerou ao máximo para conquistar o prêmio de melhores processadores. A grande parte dos sites mostram uma superioridade neste tipo de tecnologia.

Já a AMD demorou um pouco mais do que a Intel, apesar disto acabou lançando um processador que surpreendeu a todos. O chamado Phenom II X6, ele é um pouco mais modesto do que o concorrente mas tem capacidades de ultrapassar o fabricante Intel em alguns testes.

Quando citamos processadores de alto desempenho não temos como não pensar em valores. Os computadores e notebooks atuais estão cada vez mais caros, e o preço é basicamente devido a tecnologia de processadores que aumentam o valor dos dispositivos.

Sobre o Preço dos Processadores AMD

A AMD fez uma excelente jogada lançando um processador que conta com seis núcleos, que é mais fraco porém mais barato. E os valores ficam em menos de um terço dos concorrentes, ou seja, apenas 300 dólares.

Sobre o Preço dos Processadores Intel

A Intel por sua vez prefere continuar com o posto de CPU mais veloz do mundo, e não se importa com o valor. Os testes comprovam isto, a sua velocidade comparando testes sem dúvida alguma é superior. É importante ainda lembrar que a Intel possui outras alternativas de processadores mais baratos e de boa qualidade.

Tecnologia dos processadores Intel

Podemos dizer neste aspecto que a Intel colocou no mercado a série Core i7 para definitivamente provar que suas CPUS são melhores ao trabalhar com jogos. E com uma grande diversidade de modificações internas, a fabricante ainda consegue incríveis resultados garantindo aos gamers toda a jogatina de seus sonhos. A maioria dos sites comprovam que os processadores da Intel são melhores para jogos, a Intel neste sentido tem uma maior superioridade, automaticamente uma maior tecnologia e um preço mais alto para se investir.

Tecnologia dos processadores AMD

Já a AMD por sua vez apesar de ser um pouco mais modesta não fica para trás. Algumas das tecnologias utilizadas pela AMD são utilizadas frequentemente em processadores da Intel devido a capacidade de desenvolvimento existente da fabricante. Outro ponto interessante é que os gamers ainda não perdem em nada ao utilizar os computadores da AMD pois a empresa compete frente a frente de igual para igual com a Intel e em alguns casos pode inclusive a superar, ou seja, é uma briga de gigantes que poderá chegar em um empate no final.

 

Montar PC, Part 2.2: Como Instalar o Processador (AMD/Intel)

como instalar o processador na placa mae

como instalar o processador na placa maeComo instalar o processador AMD ou INTEL: Depois da minuciosa avaliação e escolha do seu processador, chegou a hora de instalá-lo no seu PC. Isso pode ser até relativamente fácil, sendo que você precisa ter as ferramentas necessárias e muita paciência para executar os serviços com muito cuidado. Nesse tutorial vamos lhe dar dicas de como instalar um processador em seu computador.

Preparação e cuidados iniciais:

Para começar recomendo que você siga as seguintes instruções:

  • Desembale o processador com cuidado, confira se as especificações batem com as da placa-mãe, pois esses dois componentes funcionam juntos e não existe a possibilidade de fazer adaptações;

  • Encoste em um metal aterrado ou utilize uma pulseira “antiestática” para descarregar a eletricidade estática do seu corpo e evitar a transmissão de eletricidade estática do seu corpo para os componentes da sua máquina;

  • Certifique-se de que você possui as ferramentas adequadas para executar a instalação, utilize as chaves corretas, por exemplo: não utilize chaves de fenda no lugar de chaves Phillips, ou alicates de bico para retirar parafusos, isso pode danificar os componentes e prejudicar o desempenho do seu PC;

  • Faça os trabalhos em uma bancada limpa e com todas as ferramentas à mão, isso facilita a sequência dos trabalhos e evita improvisações e possíveis erros de montagem.

Como instalar o processador:

No vídeo abaixo você verá como instalar o processador AMD e INTEL (produzido pela Chipart).

Bem, segue abaixo a sequência correta de instalação do processador:

  • Após ter a certeza que o processador é compatível com a placa mãe que você escolheu para o novo PC, verifique a posição correta e a localização dos pinos para encaixe do processador;

  • Em alguns casos a placa-mãe já possui uma seta para sinalizar a posição correta para encaixe do processador, porém nem todas as marcas possui esse tipo de indicação;

  • Tome cuidado quando for encaixar o processador no soquete, pois os pinos são sensíveis e podem entortar com facilidade, outro cuidado que deve ser tomado é o de não encostar a mão nos pinos, pois pode danificar o circuito interno do processador;

  • Após essa etapa você poderá instalar o cooler, fonte e demais componentes que devem ser instalados na sequência;

É isso aí pessoal seguindo essas dicas você vai instalar o processador com segurança. Até a próxima.

Montar PC -Part-1.1: Como Escolher o Processador

Como escolher o processador (processador e placa-mãe)

Montar PC: Para montar um computador é preciso conhecer as suas partes, neste artigo falaremos de como escolher o processador, qual a sua função, sua estrutura e exemplos de aplicações. Confira!

O que é, e para que serve o processador?

O processador (CPU, unidade central de processamento), ou também conhecido como microprocessador, é um chip que vai acoplado na placa mãe, existem vários modelos e variam em preços de acordo com o poder de processamento e de recursos.

processador e placa-mãe

O processador é o grande responsável por fazer todo o processamento das informações, Ele é o cérebro do computador, sendo basicamente o que toma todas as decisões. Nele são processadas as informações, efetuados os cálculos, executados os programas, entre outras funções. Por esse motivo deve-se tomar um cuidado extra na hora de escolher o processador adequado, pois o desempenho e a velocidade do seu computador dependerão muito da escolha do modelo correto de acordo com sua aplicação.

 

Como escolher o processador?

Antes de explicar como o processador funciona e tudo mais, vamos entender como se deve escolher o processador.

A primeira coisa que você deve se perguntar na hora de escolher o processador é: “qual será a utilização do comutador?”. Exemplo: Para uso doméstico; escritório; Para jogos; Para trabalhar com edição de imagens ou de vídeos; ETC.

Dependendo da aplicação, não compensa gastar muito dinheiro em um processador caro que não vai te dar nenhum melhora no desempenho e velocidade do computador. Daí a grande importância de responder a pergunta anterior. Você entenderá melhor isso a partir dos próximos parágrafos.

Tipos de aplicação:

Podemos definir a aplicação dos processadores, basicamente para a montagem em três tipos de computadores: Básico, Médio e Avançado.

  • Computadores de uso Básico: Esses computadores são dimensionados para rodar programas mais leves e aplicações mais simples, por exemplo: elaboração de arquivos de texto, assistir vídeos, acessar a internet, enfim, atividades corriqueiras que não requerem um grande desempenho do computador.
    Processadores adequados para essa utilização são: o i3 da Intel e equivalentes da AMD. Mas, pode utilizar até mesmo processadores abaixo do i3, caso queira um pc de baixo custo, somente para atividades bem básicas mesmo como elaboração de textos e acessar a internet.
  • Computadores de Médio porte: São computadores mais potentes, que necessitam processar uma quantidade maior de informações em um curto espaço de tempo, podemos citar: softwares para design gráfico, pra rodar jogos pesados, programas para edição de música e vídeos, entre outros.
    Processadores recomendados: os i5 da Intel e equivalentes da AMD.
  • Computadores de porte Avançado: Esses são computadores exigem uma quantidade gigantesca de processamento em um curto espaço de tempo. São utilizados por empresas e profissionais para renderização; criação de jogos e filmes 3D; ETC. Aqui os processadores já são bem mais caros, deve-se utilizar processadores dos i7 ou equivalentes da AMD.

 

Tipo de Socket da CPU (processador)

processadores de soquetes diferentes
processadores de Sockets diferentes

ATENÇÃO! O tipo do Socket do processador se refere ao encaixe dele na placa mãe, local onde ele é encaixado. Eles são direfrentes no tamanho e na quantidade de pinos. Então nunca esqueça de verificar se o tipo de Socket da placa-mãe é o mesmo tipo de Socket do processador. Esta informação você encontra na embalagem da placa-mãe e do processador, no google ou em sites de compras.

 

Como Funciona um Processador?

“Saber Como Funciona um Processador, é o jeito certo de escolhe-lo!”

Bem, para este artigo não ficar enorme, tentarei resumir e explicar o mais fácil possível o funcionamento do processador, o que já servirá muito bem pra o nosso proposito que é saber como escolher o processador.

Os primeiros processadores foram projetados como sendo uma unidade única de processamento, ou seja, ele era composto de apenas 1 núcleo, um único chip que fazia todo o processamento. Hoje em dia, os processadores são fabricados com mais de um núcleo, sendo que cada núcleo (core) é como se fosse um outro processador, ou seja, a grosso modo é como se fosse um processador composto de vários pequenos processadores interligados.

Ao projetar processadores de mais de 1 núcleo (2, 3, 4 cores…), ganhou-se performance em múltiplas tarefas, os processadores ficaram mais rápidos, mais econômicos e passaram a esquentar menos, pois os núcleos são ativados conforme a nessecidade de processamento do computador.

Bem, com isso você já deve ter percebido que quanto mais núcleos mais rápido e melhor será o processador. Existem também outros fatores que devemos levar em consideração:

  • Freqüência do processador (GHz): É a velocidade com que ele consegue processar as informações, quanto maior esse número, mais rápido o poder de processamento;
  • Memória Cache: É uma memoria que tem a função de armazenar pequenos dados e resultados do processamento para uso posterior. Ou seja, antes de processar certas informações, o processador confere a memoria Cache em busca de dados já processados, bastando somente retornalos sem a necessidade de fazer qualquer cálculo ou processamento. Quanto maior a memória cache, menos tempo o processador gastará para entregar os resultados necessários, portanto mais rápido o processador. Ela é uma memória dinâmica, ou seja, os dados nela contidos são alternados conforme necessário.

Principais fabricantes: Os maiores fabricantes do mercado são a Intel e a AMD. A Intel é reconhecida mundo a fora pela sua qualidade, robustez e eficiência. Já a AMD é tida como uma marca um pouco inferior à Intel, mas um diferencial que a faz ganhar uma parte do mercado é o preço mais barato que o de sua concorrente. Sendo ideal para montar pc barato e sem perder muita qualidade. Correndo por fora estão a Samsung e a LG, porem atendem uma pequena fatia do mercado.

Bem, neste artigo você conferiu o básico de como escolher o processador. Lógico que isso vai muito mais além do que foi dito aqui, mas para o proposito de saber como escolher um processador já é um grande passo à escolha correta, o importante é definir qual será a utilização do computador, como dito anteriormente.

Como saber se um jogo roda no meu PC -sem instalar

como descobrir se um jogo roda no meu pc -resultado

Como saber se um jogo roda no meu PC, antes mesmo de instala-lo? Isso é muito simples! Existe uma ótima ferramenta que faz uma analise no seu PC e te dá todos os detalhes. Confira!

Como saber se um jogo roda no meu PC

Todos os jogos para computador vem informado pelos fabricantes as configurações minimas e as recomendadas que um pc deve ter para rodar o jogo. Mas é possível fazer um analise mas detalhada no nosso pc e descobrir os seus pontos fortes e fracos.

A ferramenta que eu utilizo para descobrir se um jogo roda no meu PC é o systemrequirementslab.

O que ele faz é instalar um programinha no computador, que tem como objetivo analisar o hardware e o SO do pc para descobrir se ele consegue rodar tal jogo. No final ele mostra o desempenho do pc e dá algumas sugestões de melhorias, como por exemplos algumas placas de vídeo para você escolher.

Como utilizar o Systemrequirementslab:

  1. Clique neste link systemrequirementslab. para acessar o site;
  2. No site, existe um formulário para que você escolha, na lista de jogos, o jogo você quer ver se o seu computador consegue rodá-lo;

    como saber se um jogo roda no meu pc -requirelabs
    como saber se um jogo roda no meu pc -systemrequirementslab
  3. Depois de selecionar o jogo basta clicar no botão “Can You Run It”. Na primeira vez que você fizer isso ele vai pedir para instalar um programinha e o seu navegador vai pedir uma permissão para executar o arquivo. Basta dar as permissões necessárias.
    permitir plugin - chrome
  4. Pronto, depois de feito a analise ele irá mostrar o desempenho do seu pc em relação ao jogo selecionado.
    como descobrir se um jogo roda no meu pc -resultado

 

Processador para jogos, qual escolher?

Você sabe Qual o melhor Processador Para Jogos? Saiba que para ajudar a placa de vídeo à obter o máximo do seu Computador nos jogos, você terá que, na hora de montar um computador gamer, comprar um processador que seja compatível com ela.

Computador para jogos - Processador AMD ou Intel
site da imagem: www.blogers.com.br

O processador é responsável por fazer todos os cálculos necessários, que a placa de vídeo requisita. Então para não haver o famoso  gargalo (limita o desempenho da placa de video), é preciso escolher um processador compatível com a placa de vídeo que pretende comprar, ou seja, aquele que acompanha o desempenho dela. Mas também não adianta em nada utilizar um processador top de linha se tiver uma placa de vídeo de baixa qualidade.

Recomendados: O i5 da Intel ou equivalente da AMD é uma boa opção. Com estes processadores vocês terão muita diversão sem dor de cabeça por muito tempo, mesmo que a placa de vídeo escolhida seja uma super ultra placa de vídeo, pois os jogos hoje em dia não irão usufruir de todo o potencial dessas placas, bem como não irão usufruir de todo o potencial desses processadores.  Então no meu ver, não vale muito apena investir em um processador top de linha caríssimo, pois os jogos não vão usufruir de todo o poder do processador, como  não vai usufruir de todo o poder da ultra máxima placa de vídeo.

No site  www.systemrequirementslab.com você confere o hardware necessário para rodar certos jogos. Nele você escolhe o jogo, e em seguida ele faz uma analise em seu computador, mostrando o desempenho do seu pc para o jogo selecionado, e ainda dá sugestões do hardware necessário para rodar o jogo.  Vale apena dar uma olhada.

Observação: Pense no seguinte na hora em que você for montar o seu computador para jogos _”compensa mais economizar no processador, para investir na placa de vídeo”.

Veja também: processador custo benefício para jogos.

Como medir a temperatura do processador- Métodos simples e Eficaz. Confira!

monitorar temeratura do processador

Como medir a temperatura do processador e saber se ela está nos limites permitidos ou se está super aquecendo. O processador, quando super aquecido, pode deixar a maquina lenta, desligamento inesperado, ou, ficar reiniciado o computador entre outros.

Confira agora os procedimentos de como medir a temperatura do processador

O processador é um dos itens do computador que mais se aquece, devido ao seu grande poder de processamento e uso. Todos os processadores tem um certo limite de temperatura à que eles podem trabalhar, acima disso, é possível causar a sua queima, mas ainda bem que as placas mães estão preparadas para isso, e, estão prontas para desligar o computador caso o limite de temperatura seja atingido.

Como medir a temperatura do processador na placa mãe

Pode-se medir a temperatura do processador através da bios do sistema, no setup da placa mãe, que pode ser acessado quando o computador está iniciando.

como medir a temperatura do processador na bios da placa mãeBem, verificar a temperatura do processador na bios, não é o método mais indicado, pois nesse momento a atividade do processador é muito baixa. Então se nesse momento a temperatura do processador estiver muito alta, é sinal de que o cooler não está resfriando adequadamente o processador, devido a sujeiras, ou má funcionamento da ventoinha.

Para acessar o setup da placa mãe, na maioria, basta ficar apertando a tecla delete ou esc, assim que o computador for ligado. Depois de acessado, navegue nos menus, até encontrar a opção “Current CPU Temperature“, pois ela não tem um local padrão onde pode ser encontrada, mudando de locais dependo do modelo de placa mãe. Nesta caso está sendo mostrada em “PC Health Status”.

Como medir a temperatura do processador com Programas

Este método é muito mais eficaz se comparado ao verificar através da bios da placa-mãe, pois quando o sistema operacional está em uso, muitas tarefas e programas estão sendo executados como algum jogo rodando, por exemplo. O que de fato necessita de maior atividade do processador, dessa forma sabemos se o cooler está ou não fazendo um bom trabalho de resfriamento, caso contrario, pode até mesmo que seja obrigatório substitui-lo por um de maior eficiência.

System Information For Windows

como medir a temperatura do processador no SiW
monitorar temperatura – siw

O programa “System Information For Windows”, é um programa de analise de hardware gratuito disponível para o windows. clique aqui para baixa-lo. Depois de instalado, basta acessar o menu “Hardware > Sensors”.

HWMonitor

como medir a temperatura do processador no HWMonitor
como medir a temperatura do processador no HWMonitor

Se você quer somente obter a temperatura do computador, basta baixar e instalar o HWMonitor, um pequeno software desenvolvido pela equipe do System Information For Windows, básico e fácil de manusear.

CPU Burn-in

como testar a temperatura máxima do processador no cpu burn-in
como testar a temperatura máxima do processador no cpu burn-in

Se você que descobrir qual a temperatura o seu processador atinge quando ele estiver em seu máximo poder de processamento, então basta programar o “CPU Burn-in” para estressar o seu processador ao máximo e com um dos programas mencionados acima medir a sua temperatura. Obs: não programe um tempo muito longo.

Everest

O Everest é um programa de diagnostico de hardware muito conceituado. Com ele é possível verificar o nível de aquecimento, e extrair uma quantidade enorme de informações da máquina: Como o nome e modelo dos dispositivos de hardware, por exemplo. Sendo ideal para técnicos. A desvantagem que ele não é gratuito, oferece somente 30 dias para testar o programa, após isso, se quiser utilizar todas as funções, deve fazer a compra da licença.

Se não exibir a temperatura?

Há casos em que a temperatura não pode ser exibida, isso é devido a placa mãe não ter o sensor de temperatura instalado em seu equipamento ou o mesmo estar com defeito. É muito raro, mas pode acontecer. Nas placas mães mais atuais é quase impossível de isso acontecer devido a implementação de seus sistemas de segurança.

Descobrir Drivers: Veja Como Descobrir Drivers do PC [dicas]

Veja os métodos que você pode utilizar para descobrir drivers do pc. Você precisa instalar um drive para um dispositivo do PC mas não sabe qual? Ou depois de formatar o computador e instalar o sistema operacional, logo você percebeu que faltou alguns drivers à ser instalados, como por exemplo drivers de som, rede, ou outro? Exitem várias formas para se descobrir os driver do computador, separamos algumas dicas que vão te ajudar a descobrir e atualizar os drivers do seu computador. Confira!

Descobrir drivers sem utilizar programas:

Para descobrir drivers sem a utilização de programas, é preciso primeiro descobrir o id do hardware (numeração única atribuída pelo fabricante), e através deste reconhecer qual o driver para este dispositivo. Acesse o tutorial que explica passo a passo: como descobrir os drivers do computador sem a utilização de programas.

Descobrir drivers através do Site do fabricante:

A maioria dos fabricantes disponibiliza para downloads todos os drivers de seus dispositivos, como a maior parte dos computadores utiliza placas mãe onboard, ou seja, tem todos os hardwares necessários para o funcionamento do computador integrado com a placa mãe, como por exemplo placa de som, rede, vídeo… basta descobrir qual o modelo da placa mãe, acessar o site do fabricante e fazer o download dos drives, assim todos os drivers para os dispositivos integrados à placa mãe serão instalados.

Identificando a placa mãe: Você pode utilizar o DriverEasy, que além de ser um programa para gerenciamento de drivers, informa também alguns itens de hardware como o nome da placa mãe. Um dos programas bastante útil também para se descobrir quais os hardwares do computador é o Everest, com ele você descobre todos os hardwares do computador inclusive o nome da placa mãe. O Everest é o sucessor do AIDA, programa que era disponível nas versões 64 e 32 bits, sendo que para instalar a versão correta do programa, era preciso saber a versão do  windows 32 ou 64 bits.

Descobrir drivers utilizando programas:

Descobrir Drivers- Veja Como Descobrir Drivers do PC -driver easy
Descobrir Drivers- Veja Como Descobrir Drivers do PC -driver easy

Um dos melhores, se não o melhor, programa para descobrir e instalar drivers em seu computador é o DriverEasy, com ele é possível fazer um escaneamento completo, e, descobrir quais os drivers que estão faltando e quais estão desatualizados, sendo possível também realizar o backup e restauração de drivers, desinstalação de drivers, escaneamento offline, informação dos hardwares instalados no computador, windows update, etc…

A importância do backup dos drivers:

Antes de formatar, faça o backup dos drivers: Para finalizar, gostaria de lembra-lo sobre a importância do backup dos drivers. Fazer o backup dos drivers de seu computador é muito importante, caso seja preciso formatar o computador, não terá todo esse trabalho em procura dos drivers. uma vez que basta utilizar o programa e restaurar os drivers, economizando tempo para realizar outras tarefas mais importantes, com por exemplo a instalação de anti-virus.

Computador Não Liga? Veja o que pode ser e o que dever ser feito!

Computador Não Liga - imagem 1

O que fazer quando o Computador Não Liga?

Descubra o que pode estar acontecendo, e, por que o seu computador não liga. Separamos algumas dicas sobre o que fazer quando seu pc não está ligando mais.

Fique atento aos cabos de alimentação

A primeira coisa que você precisa fazer, para descobrir por que o computador não liga, é verificar o seu computador externamente:

Verifique se o cabo de alimentação principal está ligado à parede.

  • Verifique se o cabo de alimentação está firmemente ligado à fonte de alimentação (sugerimos que você removê-lo e instalá-lo novamente).
  • Verifique se a chave 110/220 V da fonte de alimentação está na posição correta, se a sua fonte de alimentação tem uma.
  • Verifique se o botão liga / desliga localizada na fonte de alimentação (na parte traseira do computador) está na posição “on”, se sua alimentação tem um.
  • Verifique se o botão de reset no painel frontal do gabinete não está preso. Você pode verificar que, ao pressioná-lo, se você não pode movê-lo, isso significa que ele está preso e precisa liberá-la usando ferramentas (chave de fenda pequena, clipe de papel, etc.) 
  • Remova todos os cabos externos do seu computador, incluindo teclado, mouse, impressora, câmera digital, iPod, etc, e todos os outros dispositivos externos que possam estar ligado ao seu PC, como drives USB. Mantenha apenas o cabo do monitor ligado. Assim, após essa etapa os únicos cabos que será anexado ao seu PC será o cabo de alimentação eo cabo do monitor de vídeo.
  • Verifique se o monitor está ligado

PC liga mas não aparece imagem

Talvez o problema não seja por que o computador não liga: Se você percebe que o computador está ligando, pois os leds frontais acendem, a fonte está fazendo o barulho normal, contudo você ouve barulhos diferentes vindo da placa-mãe. —A maioria das placas-mãe utilizam uns apitos bem agudos para mostrar se está tudo funcionando perfeitamente ou se algo está errado. Evidentemente cada placa-mãe utiliza um aviso sonoro diferente, portanto consulte o manual da sua placa para verificar qual o barulho certo e o que significa outros apitos. 

Isso geralmente também ocorre com placas de vídeo offboard que necessitem de alimentação, porque não tendo a devida energia necessária para que a placa funcione, ela não enviará imagem alguma para o monitor. Certas montadoras de placas de vídeo usam um led (ou um barulho irritante) para mostrar que o cabo de energia não está conectado. Para solucionar o problema, você deve apenas conectar o cabo na placa de vídeo e então ligar o PC normalmente. 

Liga, mas não para ligado!

Muitas das vezes o computador está ligando, mas ao liga-lo em pouco tempo este reinicia. veja: porque o computador está reiniciando sozinho?

Cuidado ao abrir o computador

A remoção de componentes deve ser feito com a fonte de alimentação do pc desconectado da rede energia. Como o computador não está ligando, fica difícil de saber se não existe energia em seu interior. Para se certificar de que nenhuma energia está sendo fornecida aos componentes, basta puxar o cabo de força da parede, interrompendo o fornecimento de energia. Esta é a melhor maneira de executar este procedimento.

Ao instalar novos componentes de hardware é muito comum ocorrerem problemas com as peças de hardware. As placas-mãe são equipadas para não ligar quando alguma placa está mal encaixada, daí um dos motivos por que  o computador não liga, quando a memória não está devidamente posicionada ou até mesmo caso algum componente que necessite de energia (como placas de vídeo mais modernas) não esteja com o cabo de alimentação conectado.

 

Computador Não Liga - abrindo a cpu
Computador Não Liga – abrindo a cpu

Verifique os cabos da fonte estão bem encaixados. A placa-mãe possui um conector direto da fonte, os discos rígidos e às vezes até a placa de vídeo. Após conferir isso, verifique se as placas estão bem encaixadas nos slots e se as memórias estão bem posicionadas (note que as placas-mãe possuem uma trava para a memória, se esta trava não estiver na posição trancada, significa que elas estão fora de posição. Talvez seja ideal fazer o processo contrário, retirar todas as placas e tentar ligar. Muitas vezes o PC volta a ligar, daí é só ir colocando placa por placa até descobrir se alguma está gerando problema, ou, fazendo com que o computador não liga.

Problemas com energia

 

Computador Não Liga - fonte de alimentacao
Computador Não Liga – fonte de alimentacao

Algumas vezes quando a energia cair, é provável que um dos componentes do seu computador sofreu graves consequências. A fonte de alimentação é feita justamente para evitar a perda de componentes. Normalmente a fonte nem chega a queimar, somente um fusível dela sofre danos e detém a corrente elétrica que queimaria todo o resto do seu hardware. Talvez nesta hora fique um pouco difícil para você, portanto chame aquele seu amigo que manja de informática ou consulte um técnico para ver se o fusível está realmente queimado.

Jumpers

Computador Não Liga - jumpers
Computador Não Liga – jumpers

Para esse procedimento você deve ter muita cautela. Portanto, antes de alterar qualquer coisa, leia bem o manual da placa-mãe e localize onde está o jumper para “resetar” a bios. Após ter feito isso, tente ligar o computador. Caso não obtenha resultados positivos, chame um técnico para ver o que exatamente sua máquina tem de errado.