Validar Cep Em PHP

Fala Galera vamos criar uma validação de cep em php mas não do campo input e sim do formato digitado pelo usuário

usaremos uma expressão regular em php chamada “preg_match”. Então segue o Código.

 

bem simples não é pessoal ? , então útil pra quem tem por exemplo uma loja virtual para o usuário digitar o cep na hora de efetuar uma compra online .

então até o próximo Post. 🙂

sistema de busca em php

fala galera , vamos criar uma aplicaçãozinha simples na web com o nosso bom e velho php , bom primeiro de tudo suponho que voce tenha um servidor local como o wampserver instalado em sua maquina .

inicie o phpmyadmin e crie um banco de dados chamado vasco 🙂  e uma tabela chamada registro , se quiser é claro insira registros como uma simples noticia na tabela para servir de exemplo.

crie o arquivo de conexão com o banco de dados:

<?php

$host =”localhost”;
$user = “root”;
$pass = “”;
$database = “vasco”;

@mysql_connect(“$host”,”$user”,”$pass”) or die(mysql_error());
mysql_select_db(“$database”) or die(mysql_error());

?>

salve como connecta.php

agora vamos criar a pagina html chamada teste.html com o formulário para a busca digita no campo input.

<html>

<Head>

<title>busca em php </title>

</head>

<body>

<div id=”busca”>
<form method=”post” action=”search.php” id=”buscar” name=”buscar”>

<input type=”text “name=”busca” id=”busca” placeholder=”Buscar No Site…” required=”busca” /><input type=”image” class=”enviar” name=”enviar” id=”enviar” src=”images/btnPesquisar.png” value=”Pesquisar”/>

</form>

</div>

</body>

</html>

agora vamos criar a pagina que aponta para o action do form que é a search.php
<?php

$host =”localhost”;
$user = “root”;
$pass = “”;
$database = “vasco”;

@mysql_connect(“$host”,”$user”,”$pass”) or die(mysql_error());
mysql_select_db(“$database”) or die(mysql_error());

$busca =$_POST[‘busca’];
$sql = mysql_query(“SELECT * From registro where busca like ‘%”.$busca.”%'”);
$row = @mysql_num_rows($sql);
if ($row > 0) {

while ($linha = mysql_fetch_array($sql)) {

$busca = $linha [‘busca’];

echo “<Strong>.@$busca;<h4>”;
echo”<BR>”;

}

}
else{

echo “<h2><strong>OPS…Nada Encontrado Com $busca</h2></strong>”;
echo “<h3><a href=’javascript:history.back(1)’>Voltar ao site</a></h3>”;

}

?>

pronto galera é isso nem preciso comentar os códigos pois é bem simples.

 

Protocolos de Roteamento

Bom galera , hoje vamos iniciar com Protocolo de roteamento então tempos protocolos de roteamento como o RIP, o OSPF, o BGP4, o IGRP, o EIGRP, entre tantos outros… estes protocolos são usados pelos roteadores, para trocarem informações de roteamento entre si, atualizarem suas tabelas de roteamento, descobrindo novas rotas existentes, e excluindo rotas antigas que não existem mais. Utilizando-se destes protocolos, os roteadores conectados que podem ‘escolher’ o melhor caminho para o destino dos dados, preenchendo suas tabelas de roteamento que acabam por descrever o estado da rede


O OSPF (Open Short Path First) é um outro protocolo de roteamento utilizado no interior de sistemas autônomos (Interior Gateway Protocol – IGP) para troca de informações de rotas dos pacotes IP
Dentre os protocolos de roteamento usados na Internet, podemos distinguir claramente dois tipos de protocolos: os protocolos de roteamento interno e os protocolos de roteamento externo. Os protocolos de roteamento externo são utilizados entre sistemas autônomos da Internet para que se possa permitir a interconexão entre estas redes. Alguns protocolos de roteamento externo utilizam o algoritmo de vetor de distância, como o BGP, ou um protocolo mais simples como o EGP (usado para anunciar os endereços IP das redes internas para um roteador externo). Dentre os protocolos de roteamento interno, temos o RIP Routing Information Protocolo que utiliza o algoritmo vetor de distância.

Protocolos De Rede

Olá galera , hoje vou falar sobre um assunto bem legal e interessante , é sobre protocolos bom para começar vamos logo com a definição protocolo é uma linguagem padrão dos computadores interligados dentro de uma rede , é com eles que os computadores conversam em si na rede.

Os protocolos ficam divido dentro de uma arquitetura chamada arquitetura tcp/ip essa arquitetura é novamente dividida em camadas , e enfim nessas camadas são dividos os protocolos cada um de acordo com a camada vamos entender melhor.

A arquitetura TCP/IP divida em camadas, sendo elas:

————————–
APLICAÇÃO -> Exemplo de protocolos: HTTP, SSH, DNS, FTP, etc.
————————–
TRANSPORTE -> Exemplo de protocolos: TCP, UDP, RTP, RTCP, etc.
————————–
REDE -> Exemplo de protocolos: IPv4, ICMP, IPv6, etc.
————————– >
LIGACAO DE DADOS -> Ethernet, 802.11a/b/g/n, Frame-Relay, etc.

Na web hoje por exemplo quando voce acessa o site www.tutoriaispc.com.br voce realiza uma conexão do tipo cliente – servidor , voce solicita o site e o servidor o retorna para voce o resultado .

, uma requisição DNS (protocolo de aplicação) é feita a um servidor DNS, e ao receber uma resposta, faz uma requisição HTTP ao servidor que contém o endereço www no domínio tutoriaispc.com.br , que por sua vez, funciona em cima da camada de transporte, que possui o protocolo TCP , o TCP é o protocolo responsável por criar e gerenciar as “portas” associadas a um IP (camada de rede).

https://i0.wp.com/www.geomatica.eng.uerj.br/docentes/araujo/_media/clienteservidorladoservidoranimado.gif?w=975

 

137 Comandos para Usar no Executar do Windows

137 comandos para usar no executar do windowsOlá Galera, hoje trago uma série de Comandos para vocês usarem no pequeno e velho executar do windows , as vezes é muito útil usar este recurso quando seu pc já está prestes a” dar pau” como dizemos na gíria da informática ,rs :). O recurso que você precisa talvez esteja em algumas destas linhas de comandos.

Para abrir a caixa do comando executar do windows basta apertar a tecla  icon-windows +R ou na pesquisa do windows digitar “executar”. Depois é só digitar o comando desejado, veja a lista abaixo:

  1. Sobre o Windows (Ver a versão do Windows) = winver
  2. Atualizações automáticas = wuaucpl.cpl
  3. Adicionar ou remover programas = appwiz.cpl
  4. Administrador da origem de dados de ODBC = odbccp32.cpl
  5. Assistente de acessibilidade = accwiz
  6. Assistente de câmara ou scaner = wiaacmgr
  7. Assistente de configuração de rede = netsetup.cpl
  8. Assistente de cópia de segurança ou restauro = ntbackup
  9. Assistente de ligação ? Internet = icwconn1 / inetwiz
  10. Assistente de transferência de definições e de ficheiros = migwiz
  11. Assistente de transferência de ficheiros do Bluetooth = fsquirt
  12. Assistente para adicionar hardware = hdwwiz.cpl
  13. Calculadora= calc
  14. Centro de segurança do Windows = wscui.cpl
  15. Certificados = certmgr.msc
  16. Cliente Telnet = telnet
  17. Configuração de protocolo de Internet (apagar informações de DNS ) = ipconfig /flushdns
  18. Configuração de protocolo de Internet (Todas as conexões ) = ipconfig /release
  19. Configuração de protocolo de Internet (ver DNS ) = ipconfig /displaydns
  20. Configuração de protocolo de Internet (ver tudo) = ipconfig /all
  21. Configuração de protocolo de Internet (Modificar DHCP Class ID) = ipconfig /setclassid
  22. Configuração do IP = ipconfig
  23. Conjunto de politicas resultante (XP Prof) = rsop.msc
  24. Constas de utilizadores = nusrmgr.cpl
  25. Controladores de jogos = joy.cpl
  26. Definições da segurança local = secpol.msc
  27. Desfragmentador do disco = dfrg.msc
  28. Desliga o utilizador do Windows = logoff
  29. Editor de caractere privado = eudcedit
  30. Editor de configuração do sistema = sysedit
  31. Editor de registo = regedit / regedit32
  32. Encerramento do Windows = shutdown
  33. Explorador do Windows = explorer
  34. Ferramenta de diagnóstico do Direct X = dxdiag
  35. Ferramenta de importação de livro de endereços = wabmig
  36. Ferramenta de remoção de software malicioso Microsoft Windows = mrt
  37. Ferramentas administrativas = control admintools
  38. Firewall do Windows = firewall.cpl
  39. Fontes = fonts
  40. Gestão de computadores = compmgmt.msc
  41. Gestão de discos = diskmgmt.msc
  42. Gestor de dispositivos = devmgmt.msc
  43. Gestor de objetos – pacote = packager
  44. Gestor de partições do disco = diskpart
  45. Gestor de tarefas do Windows = taskmgr
  46. Gestor de utilitários = utilman
  47. Gestor de verificador de controladores = verifier
  48. HyperTerminal = hypertrm
  49. Iexpress Wizard = iexpress
  50. Impressoras e faxes = control printers
  51. Infra-estrutura de gestão do Windows = wmimgmt.msc
  52. Iniciar Windows Update = wupdmgr
  53. Itens a sincronizar = mobsync
  54. Internet Explorer = iexplore
  55. Introdução do Windows XP = tourstart
  56. Jogo de cartas Copas = mshearts
  57. Jogo de cartas FreeCell = freecell
  58. Jogo de cartas Paciência Spider = spider
  59. Jogo Campo Minado= winmine
  60. Ligação ao ambiente de trabalho remoto = mstsc
  61. Ligações de rede = ncpa.cpl / control netconnections
  62. Limpeza do disco = cleanmgr
  63. Linha de comandos = cmd
  64. Lista telefônica = rasphone
  65. Livro de endereços = wab
  66. Mapa de caracteres = charmap
  67. Marcador telefônico = dialer
  68. Microsoft Access (se instalado ) = msaccess
  69. Microsoft Chat = winchat
  70. Microsoft Excel (se instalado ) = excel
  71. Microsoft Frontpage (se instalado ) = frontpg
  72. Microsoft Movie Maker = moviemk
  73. Microsoft Paint = mspaint
  74. Microsoft Powerpoint (se instalado ) = powerpnt
  75. Microsoft Word (se instalado ) = winword
  76. Nero (se instalado) = nero
  77. Netmeeting = conf
  78. Notepad = notepad
  79. Nview Desktop Manager (se instalado) = nvtuicpl.cpl
  80. Opções de acessibilidade = access.cpl
  81. Opções de pastas = control folders
  82. Opções regionais e de idioma = intl.cpl
  83. Outlook Express = msimn
  84. Painel de controle = control
  85. Painel de controle Direct X (se instalado) = directx.cpl
  86. Painel de controle Java (se instalado) = jpicpl32.cpl
  87. Paint = pbrush
  88. Partilhas DDE = ddeshare
  89. Pasta de impressoras = printers
  90. Pastas compartilhadas = fsmgmt.msc
  91. Pedidos do operador de armazenamento removível = ntmsoprq.msc
  92. Performance Monitor = perfmon
  93. Performance Monitor = perfmon.msc
  94. Phone and Modem Options = telephon.cpl
  95. Pinball para Windows = pinball
  96. Politica de grupo (XP Prof) = gpedit.msc
  97. Power Configuration = powercfg.cpl
  98. Procura rápida (quando ligada) = findfast.cpl
  99. Propriedade des visualização = control color
  100. Propriedades da internet = inetcpl.cpl
  101. Propriedades de data e hora = timedate.cpl
  102. Propriedades de senhas = password.cpl
  103. Propriedades de som e dispositivos de áudio = mmsys.cpl
  104. Propriedades de visualização = control desktop/desk.cpl
  105. Propriedades do rato = main.cpl / control mouse
  106. Propriedades do sistema = sysdm.cpl
  107. Propriedades do teclado = control keyboard
  108. Protecção de base de dados do Windows = syskey
  109. Protecção de ficheiros do Windows (analisar em cada arranque) sfc /scanboot
  110. Protecção de ficheiros do Windows (analisar no próximo arranque) = sfc /scanonce
  111. Protecção de ficheiros do Windows (analisar) = sfc /scannow
  112. Protecção de ficheiros do Windows (repor configuração de fábrica) = sfc /revert
  113. Quicktime (se instalado) = QuickTime.cpl
  114. Real Player (se instalado) = realplay
  115. Scanners e câmaras = sticpl.cpl
  116. Serviço de indexação = ciadv.msc
  117. Serviços = services.msc
  118. Serviços componentes = dcomcnfg
  119. Tarefas agendadas = control schedtasks
  120. Teclado de ecrã = osk
  121. Tipos de letra = control fonts
  122. Tweak UI (se instalado ) = tweakui
  123. Utilitário de configuração do sistema = msconfig
  124. Utilitário de rede do cliente de SQL Server = cliconfg
  125. Utilitário de verificação de ficheiros do sistema = sfc
  126. Utilitário de verificação do disco = chkdsk
  127. Utilitário Dr. Watson para o Windows = drwtsn32
  128. Utilizadores e grupos locais = lusrmgr.msc
  129. Verificação de assinatura do ficheiro = sigverif
  130. Visualizador da área de armazenamento = clipbrd
  131. Visualizador de aplicações de java (se instalado) = javaws
  132. Visualizador de eventos = eventvwr.msc
  133. Windows Magnifier = magnify
  134. Windows Media Player = wmplayer
  135. Windows Messenger (Executar MSN) = msmsgs
  136. Windows XP Tour Wizard (Tour Windows) = tourstart
  137. Wordpad = write

Free Website Malware and Security Scanner

Olá pessoal hoje trago para vocês uma excelente ferramenta para análise de segurança de web sites ela se chama Free Website Malware and Security Scanner um scanner remoto que busca malwares,erros de software e possíveis vírus no site você precisa apenas digitar ou colar a url do site e clicar em scanner e aguardar uns segundos para a execução da ferramenta .

 

Para teste digite o site que acesso frequentemente como o Oficina da Net e tai o resultado .

Website: www.oficinadanet.com.br
Status: No Malware Detected by External Scan. Additional Actions Recommended!
Web Trust: Not Currently Blacklisted (10 Blacklists Checked)
Scan Result Severity Recommendation
Malware Not Detected Low Risk
Website Blacklisting Not Detected Low Risk
Injected SPAM Not Detected Low Risk
Defacements Not Detected Low Risk
Website Firewall Not Found Medium Risk Patch and Protect With Sucuri Firewall

 Bom pessoal é isso com o auxilio desta ferramenta Voce que é desenvolvedor web pode buscar vulnerabilidades ou possíveis malwares em suas aplicações web.

 

Guia Prático Do PHP

Um pequeno Ebook que resolvi Compartilhar Com vocês Hoje , Sobre a linguagem PHP , eu apesar de não ser um Desenvolvedor Profissional li este ebook e aprovei logo no 3º Capitulo , são dicas para vocês alem de otimizar e melhorar a perfomance de seu código php , traz informações sobre seu ambiente de Desenvolvimento.

Espero que Gostem aqui o link > http://www.ultimatephp.com.br/wp-content/uploads/2015/03/Guia-15-Boas-Praticas-PHP-Codigo-Fonte-Perfeito.pdf

 

Você conhece o Sistema Operacional Mikrotik RouterOS?

Mikrotik RouterOS

Mikrotik RouterOSO Mikrotik é um sistema operacional robusto, possui inumares funcionalidades, alta estabilidade e o que o torna muito especial, é a sua facilidade de uso. Por isso o software vem ganhado cada vez mais terreno, de forma expressiva, no mercado de TI. Baseado em Linux, ele pode ser instalado tanto num pc comum como embarcado em placas compactas SBS (Single Board Computer), como as Routerboards, dos próprios desenvolvedores do Mikrotik RoutersOS, por exemplo.

A facilidade de uso por parte dos administradores de rede, com certeza é um dos grandes destaques e o que o distingue dos outros sistemas concorrentes. Nele, complexas regras de firewall, protocolos de roteamento dinâmico, Qos, etc… podem ser implementados com simples cliques de mouse. Essas praticidades facilitam tanto a vida dos profissionais de Redes como a dos iniciantes.

Para os profissionais consolidados em Redes o Mikrotik é uma verdadeira mão na roda. Com esforços reduzidos terão uma maior produtividade obtendo o máximo que o sistema tem a oferecer. Já os iniciantes encontrarão no Mikrotik a ferramenta ideal para o seu desenvolvimento obtendo uma curva de aprendizado bastante acentuada. Pois o software, devido a sua simplicidade de manipulação das configurações, permite o usuário uma maior concentração e melhor entendimento dos conceitos envolvidos, eliminando preocupações muitas vezes com detalhes de implementação como sitaxe de regras, por exemplo.

Quem deseja operar o Mikrotik RouterOs pode adquirir uma licença de software e instalá-lo em um pc comum ou obter uma solução completa de Hardware já licenciado de fábrica, que podem operar tanto em 900, em 2.4 ou 5.8Mhz.

A Mikrotik oferece também não só soluções integradas, mas uma ampla linha de roteadores, appliances, incluindo alguns modelos para fibra, além de placas e acessórios diversos.

routerboard

Um pouco das funcionalidades e vantagens do Mikrotik OutrerOS

  • Performance otimizada com o protocolo proprietário NSTREME
  • Alta disponibilidade com o protocolo VRRP
  • Possibilidade de agregar interfaces ( bonding )
  • Poucas exigências de recursos de hardware
  • Qualidade de serviço avançado
  • Firewall “stateful”
  • Protocolo Spanning Tree em bridge com filtros.
  • Alta velocidade com 802.11a/b/g com criptografia WEP/WPA
  • WDS e AP’s Virtuais
  • Portal Captativo (Hotspot) com acesso Plug & Play
  • Roteamento com os protocolos RIP, OSPF e BGP
  • Acesso remoto com amigável aplicativo Windows – Winbox e também adminitracao WEB
  • Administraçao por telnet, mac-telnet, ssh e console
  • Configuração e monitoramento em tempo reaL.

ferramentas de análise SEO Online

ferramentas de seo online

ferramentas de seo onlineFerramentas de SEO pode ajudar a acelerar o seu processo e poupar tempo, permitindo que você se concentrar em tarefas importantes. Mas, com tantos por aí prometendo a terra como você pode decidir o que você precisa e que ferramentas para escolher?

 

vamos listar as melhores ferramentas para trabalhos específicos de SEO. No entanto, não vão se inscrever para todas as ferramentas que você vê aqui.Primeiro você precisa fazer um plano de SEO para a sua campanha e certifique-se de segui-la. Estas ferramentas estão aqui para ajudá-lo com sua campanha, mas eles não vão fazer tudo para você.

Nós caracterizamos 4 ferramentas para as tarefas principais de uma campanha de SEO, na ordem que você normalmente ação deles, começando com a fase de pesquisa. Você pode considerar estes categorizar como sua tarefa de nível superior ao criar o seu plano.

Google AdWords Keyword Tool

ferramenta-chave mais conhecido para os comerciantes on-line, ferramenta de palavra-chave do Google permite encontrar palavras-chave relacionadas ao que você entrar e ver quantas pesquisas que recebem por mês, tanto a nível global e localmente para você.

SimilarSites

SimilarSites permite que você encontrar sites que são similares ao que você está procurando promover. Os resultados da pesquisa no Google irá permitir que você encontrar a maioria de seus principais concorrentes, mas talvez alguns de seus concorrentes são alvo palavras-chave diferentes para as que são …

Google Webmaster Tools

Novamente outra ferramenta gratuita, webmaster ferramentas lhe dá um feedback importante sobre o seu site a partir do próprio Google. Você também pode configurar seu site, adicionando um Mapa do Site Google e estabelecendo um domínio de sua preferência, e ver de diagnóstico para o seu site, que incluem erros de rastreamento e sugestões HTML.

SEO PowerSuite Auditor-Website

Uma ferramenta paga, Auditor do site é muito abrangente. Em um primeiro momento parece muito semelhante ao Xenu, mas leva as coisas muito mais longe e oferece simples de seguir relatórios para melhorar o seu site on-site SEO. Ele também serve para a ligação interna de um site e pode ajudar a encontrar formas de aumentar o page rank de páginas que você sente precisar de mais destaque. Ele também irá ajudá-lo a otimizar o conteúdo do seu site e inclui ferramentas para analisar o que seus concorrentes estão fazendo.

 

30 cursos gratuitos na área de TI

30 cursos grátis na area de tihá uma boa variedade de sites que oferecem cursos gratuitamente para quem deseja se inteirar sobre a indústria tecnológica. Infelizmente aqui, nem todos estão disponíveis em português, o que afasta alguns brasileiros que se interessam pela área, mas vale a pena dar uma conferida no conteúdo oferecido destes cursos gratuitos disponibilizados pelo governo.

Seu foco principal está entre os jovens de 16 a 23 anos, mas nada impede a quem estiver interessado estar ingressando ou aprimorando seus conhecimentos na área de TI. O programa em si, possui mais de 50 mil pessoas cadastradas e já concluiu cerca de 125 mil capacitações. – ao todo são 30 cursos, que abrangem programação, Algoritmos, ERP (Enterprise Resource Planning), Inglês até mesmo Gestão Empresarial.

#

Nome do curso

Categoria

1

(.NET) Algoritmos

Capacitação .NET

2

(.NET) Comunicação Visual para Web

Capacitação .NET

3

(.NET) Elementos de Programação

Capacitação .NET

4

(.NET) Elementos de Projetos de Informática

Capacitação .NET

5

(.NET) Interface com o Usuário

Capacitação .NET

6

(.NET) Lógica de Programação

Capacitação .NET

7

(.NET) Programação Aplicada

Capacitação .NET

8

(Cobol) Algoritmos

Capacitação Cobol

9

(Cobol) Elementos de Projetos de Informática

Capacitação Cobol

10

(Cobol) Lógica de Programação

Capacitação Cobol

11

(Cobol) Programação Aplicada

Capacitação Cobol

12

(Java) Algoritmos

Capacitação Java

13

(Java) Comunicação Visual para Web

Capacitação Java

14

(Java) Elementos de Programação

Capacitação Java

15

(Java) Elementos de Projetos de Informática

Capacitação Java

16

(Java) Interface com o Usuário

Capacitação Java

17

(Java) Lógica de Programação

Capacitação Java

18

(Java) Programação Aplicada

Capacitação Java

19

(Totvs) Gestão Empresarial com ERP

Capacitação TOTVS

20

(Totvs) Programação ADVPL

Capacitação TOTVS

21

Aplicativos BrOffice

Cursos Livres

22

Arquitetura de Computadores

Cursos Livres

23

Comunicação e Técnicas de Apresentação

Cursos Livres

24

Língua Inglesa

Cursos Livres

25

Matemática Aplicada

Cursos Livres

26

Programação de Páginas Web

Cursos Livres

27

Redes Locais de Computadores

Cursos Livres

28

Redes Remotas de Computadores

Cursos Livres

29

Sistemas de Conectividade

Cursos Livres

30

Sistemas Operacionais

Cursos Livres